Arquivo do blog

Seguidores

MEDITE

Se a nossa maior necessidade fosse informações, Deus nos teria mandado um pedagogo. Se nossa maior necessidade fosse tecnologia, Ele nos teria enviado um cientista. Se nossa maior necessidade fosse dinheiro, Deus nos mandaria um economista. Mas como nossa maior necessidade era perdão e salvação, Deus nos mandou um Salvador, JESUS CRISTO.

Anderson Bessa - " Teus Olhos "

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Qual pecado é mais grave?


Homossexualismo é pior que adultério? Entendo que é grave aos olhos de Deus. Porém lembre-se de que Adão e Eva foram expulsos da presença de Deus apenas por um pecado, que foi a desobediência. Deus falou para não comerem de um determinado fruto e eles comeram (esqueça a historinha da maçã ou de que o pecado original tenha sido o sexo, porque isso é falso). Assim basta a pessoa ter um pecado não perdoado para não poder entrar no céu. 

Quando você pergunta se homossexualismo é um pecado mais grave que adultério, eu responderia com outra pergunta: Beber veneno é mais grave que levar um tiro? A pergunta fica estranha, não é mesmo? Ambas as coisas trarão danos para a vida e o melhor é que não haja envolvimento em nenhuma dessas situações. No caso de sua pergunta, a Bíblia diz claramente que homossexualismo e adultério são igualmente pecado, apesar de hoje a mídia achar coisas banais, tanto é que dificilmente você encontra alguma novela que não tenha um adultério.

Ambos, tanto o adultério quanto o homossexualismo, destroem a ordem que Deus deu em relação ao sexo:

"Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne". (Gn.2:24)

Esta é a única relação sexual que Deus admite, um homem e uma mulher em um relacionamento permanente que chamamos de matrimônio, o qual é também uma figura de Cristo e a Igreja, sua esposa. Qualquer outra união é considerada uma abominação na Palavra de Deus e está em direta desobediência à ordem de Deus, se é que você está interessado em saber o que a Bíblia diz sobre o assunto. Nem homem com homem, mulher com mulher, homens ou mulheres com animais, ou homem e mulher fora do matrimônio.

"Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é". (Lv.18:22) 

"Não adulterarás". (Ex.20:14) 

"Nem te deitarás com um animal, para te contaminares com ele; nem a mulher se porá perante um animal, para ajuntar-se com ele; confusão é”. (Lv.18:23)   

"Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro". (Rm.1:26-27) 

"Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus". (1Co.6:10) 

Quando você diz que é tentado e que não consegue se controlar, desculpe a franqueza, mas isso é "conversa pra boi dormir". Se estivesse falando que não consegue controlar seu gênio na hora que dá um tapa em alguém durante uma discussão, ou quando solta um palavrão ao ser fechado no trânsito, eu até acreditaria. Um acesso de raiva é tão imediato que chega a ser incontrolável. É o velho homem nos pegando de surpresa e colocando as asinhas de fora. Coisas assim também acontecem com um convertido, mas sempre seguidas de remorso e arrependimento. Mas não me venha dizer que não consegue se controlar ao praticar um ato sexual condenado por Deus, ainda por cima dizendo-se uma pessoa convertida a Cristo.

Se o seu argumento de não ser capaz de se controlar fosse válido, então qualquer homem poderia pular em cima de uma mulher na rua para satisfazer seus desejos sexuais com a mesma rapidez que dá um tapa ou diz um palavrão num acesso de raiva. Mas não é assim que acontece. Qualquer pecado de cunho sexual, seja ele fornicação, adultério ou homossexualismo, exige certa premeditação, exige que se encontre um parceiro, que se gaste um tempo de sedução mútua, até chegar à consumação do ato sexual. Ser tentado é uma coisa, e às vezes nossa mente é pega de surpresa por uma tentação. Mas entre ser tentado a matar alguém e cometer um crime existe uma certa distância.

Se você crê em Jesus como seu Salvador, você tem em si agora mesmo tudo o que é necessário para viver uma vida de devoção a Cristo e longe do pecado.

"Visto como o seu divino poder nos deu tudo o que diz respeito à vida e piedade". (2Pe.1:3)

Quando o crente cai em pecado é porque quis cair em pecado, e não porque não conseguiu se controlar. José, no Egito, foi seduzido pela mulher de Potifar e, conhecendo sua fraqueza, nem deu tempo para decidir o que devia fazer. FUGIU!

"Fugi da prostituição. Todo o pecado que o homem comete é fora do corpo; mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo". (1Co.6:18)

"Ora, pois, já que Cristo padeceu por nós na carne, armai-vos também vós com este pensamento, que aquele que padeceu na carne já cessou do pecado; Para que, no tempo que vos resta na carne, não vivais mais segundo as concupiscências dos homens, mas segundo a vontade de Deus. Porque é bastante que no tempo passado da vida fizéssemos a vontade dos gentios, andando em dissoluções, concupiscências, borrachices, glutonarias, bebedices e abomináveis idolatrias; E acham estranho não correrdes com eles no mesmo desenfreamento de dissolução, blasfemando de vós. Os quais hão de dar conta ao que está preparado para julgar os vivos e os mortos". (1Pe.4:1-5)

Comece a olhar para o pecado como se olhasse para uma cascavel à porta de sua casa. Esta é uma visão bíblica do assunto e foi Deus quem pôs a questão deste modo para Caim:

"Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar". (Gn.4:7)

O que você faz quando sabe que há uma cascavel deitada à porta de sua casa? Você brinca com ela? Vai tentar pegá-la pelo rabo? Tenta começar um diálogo com ela? Abre a porta para ela entrar? De maneira nenhuma! Você procura passar o mais longe possível dela, para evitá-la a todo custo. Se for preciso nunca mais usará aquela porta e sairá de casa pela janela.

Distância do pecado é o que você precisa. Distância de pessoas, coisas, imagens, filmes, sites, novelas... tudo o que de algum modo possa tentar picá-lo e injetar em você o veneno do desejo e do erotismo. Se realmente quiser fazer a vontade do Pai, e não a sua, Deus lhe dará poder para isso. Agora, se quiser mesmo fazer a sua própria vontade, então não tenho mais nada para lhe dizer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Magno Malta mobiliza comunidade no Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual Infantil

.

Magno  Malta levantou sua bandeira de luta no  Dia Nacional de Combate ao abuso Sexual Infantil
Magno Malta levantou sua bandeira de luta no Dia Nacional de Combate ao abuso Sexual Infantil

Grupos com a camiseta todos contra pedofilia e a Polícia Civil panfletaram na Praça Costa Pereira, ao mesmo tempo, senador Magno Malta (PR/ES) usava os microfones da Rádio Cor da Vida para convocar a população para marcar a data, que lembra o brutal assassinato da menina Araceli Cabrera Crespo, ocorrido em Vitória

Profundo conhecedor da real violência que estupra, mata alma das crianças e tira vida de milhares de meninos e meninas em todo território brasileiro, senador Magno Malta, uniu forças ao delegado Marcelo Nolasco, da Delegacia de Proteção à Criança e Adolescentes e nesta sexta feira, para campanha educativa no centro de Vitória. “Só este ano, no Espírito Santo já foram registrados 2.456 ocorrências contra crianças. Temos que mudar este quadro caótico que destrói lares e ameaça a família”, disse Magno Malta.

Segundo o delegado Marcelo Nolasco, “o apoio do senador Magno Malta é fundamental nesta luta. Foi este parlamentar do Espírito Santo que acordou o mundo para a realidade dos pedófilos impunes, que abusam e matam crianças. A equipe do senador veio junto para as ruas mostrar que tem uma voz forte no parlamento contra esta triste estatística”, frisou o delegado.

A data desta sexta-feira, 18 de maio, marca o Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual Infantil e foi escolhida para lembrar o crime que chocou o Brasil e terminou impune. Há exatamente 30 anos, a criança Araceli, com apenas 8 anos, foi brutalmente assassinada e os suspeitos nunca foram punidos.

Magno Malta passou toda manhã no microfone, entrevistando autoridades, líderes e a população para estimular o cidadão comum denunciar as violências praticadas contra as crianças. “Senhor Governador, secretário de Segurança Pública e juízes estou pedindo mão de ferro contra os pedófilos e assassinos de crianças. Vamos defender nossos filhos, vamos lutar me defesa da família brasileira”, clamou Magno Malta, atual presidente da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Família.

Grupo Todos Contra a Pedofilia e Polícia Civil na panfletagem nesta sexta-feira.
Grupo Todos Contra a Pedofilia e Polícia Civil na panfletagem nesta sexta-feira.


O grupo coordenado por Márcia Rodrigues parava os pedestres e entregava cartilha educativa. “Foi uma excelente iniciativa para esclarecer a população e todos receberam bem nossa equipe”, finalizou Marcinha, como é chamada a líder do Grupo Todos Contra a Pedofilia no Espírito Santo.

Fonte:http://www.magnomalta.com/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=2600:magno-malta-mobiliza-comunidade-no-dia-nacional-de-combate-ao-abuso-sexual-infantil&catid=20:cpi-da-pedofilia&Itemid=39

Leia os Livros On-line

Postagens populares